Banese participa de evento do Sebrae sobre energia fotovoltaica

Publiciado em 13/11/2021 as 11:40

O Banese foi uma das instituições que integraram a II Rodada de Crédito Energia Solar Fotovoltaica, promovida pelo Sebrae Sergipe. O segundo encontro da Rodada aconteceu na manhã desta sexta-feira, 12 de novembro, no auditório do Sebrae/SE, localizado na Avenida Tancredo Neves, 5500, em Aracaju. O primeiro encontro foi realizado no dia 10 de novembro. A rodada de negócios teve como objetivo aproximar instituições financeiras, empresas integradoras (empreendimentos responsáveis pela elaboração do projeto e instalação dos equipamentos) e pessoas interessadas em implementar a energia fotovoltaica nos respectivos negócios ou residências.

 

Direcionada a microempreendedores individuais, donos de microempresas e empresas de pequeno porte, a Rodada também permitiu a participação de pessoas sem CNPJ. Outro objetivo da Rodada foi facilitar a expansão do sistema de energia local, para que Sergipe suba de posição no ranking nacional de geração distribuída dessa fonte energética. Atualmente, o Estado ocupa o 23° lugar entre os estados brasileiros, segundo dados da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica. Ainda de acordo com a Absolar, o Estado é responsável por 0,6% do volume produzido no país.

 

Ao longo do evento, o público participante pôde conhecer detalhes da linha de crédito “Desenvolve Banese - Energia Solar”, que financia componentes ou a instalação dos sistemas de micro e minigeração de energia elétrica fotovoltaica. O financiamento pode ser pago em até 72 meses, em parcelas mensais e com carência de até 12 meses (com pagamento de encargos trimestrais), fixadas a partir do término da carência.

 

“A iniciativa do Sebrae foi muito valiosa para todos os participantes, fossem agentes financiadores ou micro e pequenos empresários que desejam usar esse sistema de energia. Estamos felizes por termos participado de momentos como este, pois apresentamos o produto e fizemos novos negócios com empresas e pessoas que querem tornar o lugar de trabalho ou moradia um espaço mais sustentável”, afirmou a gerente do Banese, Catarina Gomes,

 

 

Ascom Grupo Banese